terça-feira, 7 de junho de 2016

Afrânio: Vereador denuncia suposto superfaturamento da prefeitura em contratações de artistas para evento festivo

denuncia vereador afranio
A Prefeitura de Afrânio (PE), no Sertão do São Francisco, está sendo denunciada por suposto superfaturamento na contratação de artistas para um evento festivo da cidade – o Expoafra –, realizado no final do mês de maio deste ano. A denúncia partiu do vereador Vavá do Pipa (PSD).
De acordo com Vavá, as atrações contratadas pela gestão da prefeita Lúcia Mariano foram Dorgival Dantas e Geraldinho Lins. O cachê de Dorgival custou R$ 60 mil, quando o valor de mercado do artista fica entre R$ 30 mil e R$ 35 mil; Geraldinho ficou um pouco abaixo, R$ 40 mil. No entanto, o valor cobrado normalmente pelo músico é estipulado entre R$ 15 e R$ 20 mil.
Vavá já protocolou a denúncia junto à Polícia Federal (PF) em Juazeiro (BA), além do Ministério Público Federal (MPF), Controladoria Geral da União (CGU) e Ministério do Turismo, uma vez que os recursos para o evento, no valor de R$ 500 mil, foram oriundos de emenda e chegaram à prefeitura por meio do Ministério do Turismo. Com a palavra, a administração de Afrânio.

 Carlos Britto

0 comentários:

Postar um comentário