quarta-feira, 27 de julho de 2016

Triplica o número de mortes causadas por dengue em Pernambuco. Também sobem confirmações de óbitos por chicungunha



Em uma semana, triplicou o número de óbitos confirmados por dengue em Pernambuco. Segundo boletim divulgado, na tarde desta terça-feira (26), pela Secretaria Estadual de Saúde (SES), já são 21 mortes causadas pela doença até o último dia 23 de julho. Além disso, sobe para 31 o número de óbitos por chicungunha – em números absolutos, cinco a mais, em comparação com o balanço divulgado há sete dias.

Dessa maneira, em todo o Estado, já são 52 mortes confirmadas pelas duas arboviroses neste ano, quando já se notificaram 285 óbitos suspeitos por dengue, chicungunha ezika. Em 2015, no mesmo período, foram 54 óbitos suspeitos de dengue e 16 com resultado laboratorial positivo para a doença.

Outro destaque do boletim é que até agora, já são 40.802 casos confirmados das três arboviroses: 22.762 de dengue, 17.893 de chicungunha e 147 de zika. Entre os municípios pernambucanos que apresentam maior risco de adoecimento, estão São João, Jaqueira, Escada, Garanhuns e Brejo da Madre de Deus, além de Fernando de Noronha. 

(Edenevaldo Alves/Casa Saudável)





0 comentários:

Postar um comentário