quarta-feira, 30 de agosto de 2017

Eletrobrás: Por sugestão de Fernando Bezerra, audiência com ministro de Minas e Energia será feita por duas comissões do Senado


As comissões de Serviços de Infraestrutura (CI) e de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado vão convidar o ministro de Minas e Energia (MME), Fernando Filho, para uma audiência pública conjunta sobre a possibilidade de abertura do controle acionário da Eletrobras. A sugestão para que o debate seja feito conjuntamente entre as duas comissões foi apresentada, nesta terça-feira (29), pelo senador Fernando Bezerra Coelho durante reunião deliberativa da CI. Logo na sequência, na CAE do Senado, o líder do PSB e vice-líder do governo na Casa adiantou que o Executivo deverá editar, na próxima semana, medida provisória que resultará na redução dos juros dos Fundos Constitucionais de Financiamento para um patamar de 6% ao ano.
Requerida pela senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM) e apoiada pelos colegas Fernando Bezerra, Jorge Viana (PT-AC) e Hélio José (PMDB-DF), a audiência pública com o ministro Fernando Filho terá data acertada entre a CI e a CAE do Senado. Hoje, na Comissão de Serviços de Infraestrutura, Bezerra Coelho reforçou que a intenção do MME ao propor a pulverização das ações da Eletrobras é recuperar a empresa para a geração de mais dividendos e arrecadação ao país, contribuindo para o ajuste fiscal e sem qualquer repercussão negativa aos consumidores.
“Não haverá reajuste de 16%, como foi aventado numa declaração já corrigida pela diretoria da Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica)”, afirmou o senador. “A proposta (do MME) não ensejará reajuste de tarifa ou apagão. Apagão, a gente vai enfrentar se não tiver investimento no setor elétrico”, completou o líder.
CARUARU – Ainda na Comissão de Serviços de Infraestrutura, Fernando Bezerra Coelho destacou a entrega de 2.404 residências em Caruaru (PE), dentro do Programa Minha Casa Minha Vida, nesta segunda-feira (28). O senador foi um dos convidados à solenidade conduzida pelo ministro Bruno Araújo, da qual também participaram os outros três ministros pernambucanos – Fernando Filho (Minas e Energia), Mendonça Filho (Educação) e Raul Jungmann (Defesa) – além de 50 prefeitos da região do Agreste do estado, ex-governadores de Pernambuco, deputados e outras lideranças políticas.
Conforme destacou Fernando Bezerra, milhares de pessoas compareceram à cerimônia, em Caruaru. “Foi uma bonita festa de trabalho”, definiu o líder, ao elogiar a atuação do ministro Bruno Araújo em benefício ao estado. “O ministério já liberou quase R$ 1 bilhão para obras de saneamento na região metropolitana de Recife como também recursos para a proteção de morros na capital e para ações de mobilidade urbana em Petrolina (cidade-natal do senador)”, detalhou.


0 comentários:

Postar um comentário