segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

Oposição realizará movimento "Pernambuco Quer Mudar" e intensifica briga para 2018

Resultado de imagem para fernando bezerra, armando monteiro, bruno araujo e mendonça filho juntos
Na véspera do encerramento do ano pré-eleitoral, a corrida para o próximo pleito majoritário esquentou de vez. Após ser anunciada em agosto, durante uma agenda administrativa do então ministro Bruno Araújo, em Caruaru, a frente de oposição realizará, nesta segunda-feira, o seu primeiro ato político para oficializar seu projeto para 2018.
Intitulado “Pernambuco quer Mudar”, o ato – que contará com a presença do senador Fernando Bezerra Coelho (PMDB) e caciques do PTB, DEM e PSDB – ocorrerá daqui a pouco às 17h, no Paço Alfândega, no Bairro do Recife, na área central da capital. Entretanto, muito mais do que realizar uma manifestação, o bloco terá como desafio conciliar os interesses diversos entre seus líderes e resolver pendências internas em busca de aliados.
Com quatro nomes colocados para a cabeça de chapa majoritária, as lideranças chegam ao ato sem a definição de quem será o ungido para comandar o bloco. Isso porque os senadores Fernando Bezerra Coelho (PMDB) e Armando Monteiro Neto (PTB), o deputado Bruno Araújo (PSDB) e o ministro Mendonça Filho (DEM) já demonstraram vontade de concorrer a vaga ao Palácio do Campos das Princesas. A situação, inclusive, levou Bezerra Coelho a afirmar recentemente que o bloco poderia lançar mais de uma candidatura, o que demonstra fissuras internas. 
(Folha Política).


0 comentários:

Postar um comentário